FEMME Sessions #31 | Porto Femme Synchronization
16/9/2020

16/9/2020
21:00
Sessão de cinema

Setembro é um mês especial. Neste mês, as quartas são de Cinema à Mesa, com PORTO FEMME SYNCRHONIZATION.


Este evento pretende ser um pré-festival, preparando a cidade para a 3ª edição do PORTO FEMME INTERNATIONAL FILM FESTIVAL que acontece de 6 a 10 de Outubro. 

Nas quatro sessões, que acontecerão dia 2, 16, 23 e 30 de Setembro às 21h00, apresentamos filmes que estiveram em competição desde a primeira edição e que regressam pela primeira vez desde que foram exibidos no festival, à sala do Maus Hábitos. 


Em cada sessão, estará presente uma convidada especial e dia 16 é a vez de recebermos Patrícia Nogueira, que abrirá o debate ao filme “CARTA A INGER” realizado por María Lucía Castrillón, que conta a história de Inger Servolin, uma das primeiras mulheres produtoras de cinema documental em França. Patrícia Nogueira (Porto, Portugal) realiza e produz documentários e trabalha regularmente com outros realizadores, tanto em ficção como documentário. É Professora na ESMAD - Escola Superior de Media Artes e Design (IPPorto) e no Instituto Universitário da Maia. Os seus interesses de investigação centram-se em formas de Documentário contemporâneo, em especial no Cinema Digital, e em Estudos Feministas de Cinema.

Contamos com a vossa presença para virem celebrar o cinema connosco! 


Programação

Duração sessão:aproximadamente 76 minutos

Entrada Livre


CARTA A INGER

França | 76’ | 2018

Realizadora: Maria Lucia Castrillon

Produtor: Townsend Laura


Sinopse

Esta é a história de Inger Servolin, uma das primeiras produtoras de documentários femininos na França. Ela começou no cinema na esteira de maio de 68, quando ao lado de Chris Marker e outros, fundou a cooperativa Slon (Sociedade para o lançamento de novas obras), tornou-se Iskra (imagem, som, cinescópio, produção audiovisual) em 1973, uma das raras casas de produção da época que ainda existe. Entre trechos de filmes, cartas dirigidas a Chris Marker e depoimentos de seus companheiros de viagem, este documentário traça o caminho da produtora e explora sua busca para possibilitar filmes que não deveriam existir. Hoje, eles constituem uma parte essencial do patrimônio documental francês.

Press

Saco Azul, Maus Hábitos,

Rua Passos Manuel 178

4º andar

4000-382 Porto


Produção Artística

sacoazul@maushabitos.com

danielpires@maushabitos.com

Image

powered by

Image
Image